Rua José Farias, 98, sala 806 - Santa Luíza, Vitória - ES.

Dez dicas para viver de bem com a sua coluna

Cirurgião de coluna Lourimar Tolêdo aponta como as dores nas costas podem ser evitadas

Dormir pouco, alimentar-se mal, usar o celular ou o computador 18 horas por dia, ficar muito tempo parado na mesma posição, praticar pouca ou nenhuma atividade física. Essa é a rotina de muitas pessoas, e uma das grandes vilãs da coluna.

O cirurgião de coluna Lourimar Tolêdo, responsável pelo Serviço de Cirurgia da Coluna Vertebral da equipe de ortopedia do Hospital Metropolitano, explica que são os músculos que dão sustentação aos ossos de todo o corpo, incluindo os das costas. Então, sem exercícios, eles ficam fracos, o que provoca as dores. Esse sedentarismo também favorece o ganho de peso, que gera prejuízos de sobrecarga.

“Para diminuir os riscos de sofrer com lesões, principalmente as de desgaste (degenerativas) é preciso agir diferente, mudando o estilo de vida”, alerta o Tolêdo.

Mas, se você já sentiu ou sente dores nas costas e ainda não procurou ajuda profissional, cuidado: o problema pode tornar-se crônico e o tratamento, dispendioso.

“Incômodos fortes e que persistam após 24 horas ou que viraram recorrentes exigem avaliação, assim como fraqueza ou perda de sensibilidade e de movimentos de um dos membros inferiores”, orienta o médico.

Viva bem com sua coluna

Como a maioria dos casos de dores nas costas são acarretados por maus hábitos do dia a dia, o cirurgião de coluna Lourimar Tolêdo listou, neste Dia do Ortopedista (19), dez dicas importantes que vão te ajudar a se prevenir:

1 – Pratique atividades físicas regularmente para fortalecer a musculatura de todo o corpo. Mas faça isso com a supervisão de um profissional. Exercícios realizados sem orientação podem prejudicar a coluna;

2 – Mantenha a postura correta no dia a dia, principalmente quando houver necessidade de permanecer sentado ou em pé durante muito tempo;

3 – Controle o estresse emocional, porque ele é um fator desencadeante de dores. O seu reflexo mais comum na coluna se dá na cervical – região do pescoço. Então, alimente-se bem, durma de sete a oito horas por noite, exercite-se, separe um tempo para fazer atividades que te deem prazer, entre outros;

4 – Evite realizar movimentos bruscos com a coluna vertebral;

5 – Sempre flexione os joelhos quando for erguer um peso do chão;

6 – Dê preferência aos sapatos com saltos mais baixos;

7 – Escolha um colchão confortável, afinal, você passa aproximadamente 1/3 da vida dormindo. O objeto não pode ser muito mole, porque desalinha completamente a coluna, propiciando dores. Também não é indicado ser duro demais, pois pode cansar a musculatura, provocando dores nos ombros, nos quadris e nas articulações;

8 – Use a tecnologia (celulares, tablets, notebooks e outros) com moderação. Dê uma pausa na sua utilização a cada 40 minutos. Ao manusear o celular, use um apoio para o braço e mantenha o centro da tela na altura dos olhos. Já o notebook, deve ser colocado sobre um suporte ergonômico em cima de uma mesa, para ficar mais alto. Além disso, recomenda-se conectá-lo a teclado e mouse externos;

9 – Não carregue “o mundo nas costas”. A mochila não pode ultrapassar 10% do seu peso, enquanto a bolsa, 5%;

10 – Procure um médico ao sentir o primeiro sinal de dor, para que seja feita uma avaliação individual com o intuito de descobrir a real causa, e também o melhor tratamento.