Rua José Farias, 98, sala 806 - Santa Luíza, Vitória - ES.

Hydra apresenta novas técnicas de irrigação em Feira de Agronegócios

Palestra vai mostrar como produtores rurais podem usar a tecnologia para evitar desperdício de água e cortar despesas na lavoura

Tipo de produção, características do solo, condições climáticas da região e profundidade das raízes da planta no terreno cultivado são algumas das variáveis que devem ser analisadas na hora de definir a forma de irrigação mais adequada à lavoura. Fazendo a escolha certa é possível garantir um cultivo sustentável, reduzindo o consumo de água e também diminuindo as despesas com mão de obra, energia e insumos.

Esse será um dos assuntos abordados pelo engenheiro agrônomo Elídio Gama Torezani, diretor da Hydra Irrigações, durante a palestra “Molhar ou irrigar – a busca pelo manejo sustentável”, que será realizada na 1ª Feira de Agronegócios, de 8 a 10 de agosto, no Parque de Exposições Romeu Joaquim de Souza, em São Gabriel da Palha, no Norte do Estado.

“Vamos mostrar que as formas de irrigação estão evoluindo. Não adianta mais repetir as técnicas dos antepassados. É preciso utilizar as tecnologias disponíveis. Hoje há inúmeras maneiras de irrigar a lavoura de forma sustentável, evitando desperdício e otimizando o uso da água”, destaca Elídio Torezani.

O diretor lembra que a Hydra Irrigações tem como missão prestar assistência técnica e agronômica aos clientes, de forma a priorizar o uso racional e sustentável da água, para garantir rentabilidade ao produtor rural e ainda proteger os recursos hídricos e o meio ambiente em geral. Para isso, a empresa oferece modernos equipamentos de gotejamento, micro-aspersão, automação, fertirrigação e nutrirrigação. 

Todas essas variedades de irrigação também serão apresentadas durante a palestra, que vai acontecer no dia 10 de agosto, das 10h30 às 11h30.

“Hoje, há equipamentos de irrigação que são capazes de mostrar a quantidade de água de que o solo e as plantas precisam. Também existem sistemas automatizados, que podem ser acionados a distância, por meio de um clique, com o uso de computador, tablet ou celular. São técnicas que o produtor rural poderá conhecer e se interessar durante a palestra”, afirma Elídio.

Promovida pela Cooabriel (Cooperativa Agrária de Cafeicultores de São Gabriel), a 1ª Feira de Agronegócios será voltada aos produtores e famílias, pesquisadores e estudantes do agronegócio, fornecedores de insumos e implementos, instituições financeiras e órgãos de fomento. O evento contará com palestras, exposição e demonstração de equipamentos, espaço para alimentação e área de convivência. 

 

 

Related Posts

Deixe um comentário