Rua José Farias, 98, sala 806 - Santa Luíza, Vitória - ES.

Sicoob ES apoia seus cooperados durante a crise e amplia suas atividades

Números da instituição avançaram no primeiro semestre, assim como o volume de crédito para pessoas e empresas prejudicas pela pandemia

 

A carteira de crédito do Sicoob ES registrou R$ 5,1 bilhões no fechamento do primeiro semestre deste ano, um aumento de 17,8% em relação aos primeiros seis meses de 2019.

Esse dado indica que houve aumento na concessão de crédito aos cooperados neste período em que muitas pessoas enfrentam dificuldades e prejuízos por conta da pandemia, segundo o diretor-executivo do Sicoob ES, Nailson Dalla Bernadina: “Continuamos atuando como parceiros da sociedade, atendendo as demandas no momento em que as pessoas e empresas mais necessitam”.

Além do cenário atual, as fortes chuvas que atingiram o Sul do Espírito Santo também foram fator que impulsionaram a liberação de crédito emergencial para os capixabas, com a linha Recomeçar.

Outro indicador que representa o crescimento da instituição financeira cooperativa e o seu importante papel da economia capixaba são os ativos administrados que, ao final do primeiro semestre do ano, ultrapassaram os R$ 10 bilhões (R$ 8,9 bi em ativos diretos e R$ 1,1 bi em poupança), um crescimento de 24,6% em relação ao mesmo período de 2018.

Crédito emergencial

Com recursos próprios, o Sicoob ES criou a campanha Ao Seu Lado, por meio da qual foram renegociadas e prorrogadas dívidas. Além disso, a instituição ampliou recursos para pequenos empresários com o crédito Prosseguir e com as linhas Pronampe e Pese. O total de estímulos deve ultrapassar o montante de R$ 3 bilhões até setembro de 2020, em mais de 50 mil contratos.

No primeiro semestre, os depósitos cresceram 32,8%, alcançando R$ 5,9 bilhões. O diretor-executivo afirma que o indicador atesta a confiança dos cooperados em fazer suas movimentações no Sicoob, uma instituição segura, consolidada e que gera bons resultados para todos.

Novos associados

Em relação ao volume de 30 de junho de 2019, o patrimônio líquido avançou 15,1%, chegando a R$ 2 bilhões. Nos primeiros seis meses do ano, 20 mil novos associados ingressaram no sistema Sicoob ES. Ao final do semestre, foram totalizados mais de 360 mil associados, um crescimento de 15,86%. O resultado bruto do Sicoob ES chegou a R$ 153,5 milhões no período.

Nailson Dalla Bernadina ainda destaca que, de janeiro a junho de 2020, a instituição financeira cooperativa foi ágil na adaptação do atendimento aos associados, aperfeiçoando os canais não presenciais e adotando a assinatura digital para a contratação de crédito.

Novas agências

Ainda foram abertas novas agências em Bela Aurora (Cariacica), Cobilândia (Vila Velha) e São Pedro (Vitória), sendo as duas últimas por meio de transmissões ao vivo pelo YouTube e pelo Zoom. As tradicionais reuniões de prestação de contas da instituição cooperativa também migraram para o ambiente virtual, pelo aplicativo Sicoob Moob, sem perder a proximidade e transparência para com a comunidade.

O aplicativo Sicoob, que reúne mais de 140 operações, pode ser usado para adquirir produtos e serviços de forma simples, como investimentos, seguros e consórcios. O atendimento por meio de chat e WhatsApp também têm facilitado o relacionamento com os atendentes sem a necessidade de ir até a agência.

Sobre o Sicoob 

O Sicoob é o maior sistema cooperativo de crédito do País. Aberto a empresas e a pessoas físicas, trabalha com produtos e serviços tipicamente bancários, com custos menores do que os do mercado. Os associados, que são donos do negócio, participam dos resultados e dispõem de tecnologia que facilita a movimentação. Além disso, têm a mesma segurança que os clientes de bancos comerciais, por meio do Fundo Garantidor do Cooperativismo de Crédito (FGCoop). 

Com operação no Espírito Santo e no Rio de Janeiro, o Sicoob ES tem mais de 360 mil associados. São sete as cooperativas filiadas: Norte, Leste Capixaba, Centro-Serrano, Sul-Serrano, Sul, Sul-Litorâneo e Sicoob Credirochas. O sistema atua em todo o Brasil, com 3,3 mil unidades, e atende 4,7 milhões de associados.

Deixe um comentário